24.3 C
Canoas
segunda-feira, abril 12, 2021

CVM aplica R$ 340 mil em multas a ex-diretores da Brasil Brokers por infrações

Must read

Frederico Sanches Resende da GES Logística participa de projeto de abastecimento energético em Rio Verde (GO)

Dados do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) apontam que o fornecimento de energia elétrica é um problema comum em todo o Brasil,...

GES Logística tem destaque na construção de parque solar diz Frederico Sanchez Resende

Nestes tempos em que a sociedade tem repensado valores, buscando mais qualidade de vida, temas como desenvolvimento sustentável e o baixo impacto ambiental têm...

PE News 4 anos: O sucesso por trás de um dos maiores sites de Pernambuco

O Portal PE News completou quatro anos no ar, no último dia 20 de março e após todo esse tempo levando informação para os...

Frederico Sanches Resende: energia fotovoltaica é importante solução para desafios energéticos

Nestes tempos em que a sociedade tem repensado valores, buscando mais qualidade de vida, temas como desenvolvimento sustentável e o baixo impacto ambiental têm...
Avatar

Claudio Kawa Hermolin e Hebert Ferreira Braz Junior foram multados em R$ 170 mil cada em caso relacionado a demonstrações financeiras de 2018

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) condenou os ex-executivos da Brasil Brokers, Claudio Kawa Hermolin e Hebert Ferreira Braz Junior, a multa individual de R$ 170 mil por infrações na elaboração das demonstrações financeiras da companhia no exercício social de 2018. Ambos foram condenados por não terem observado regras do Comitê de Pronunciamentos Contábeis (CPC) relacionadas aos critérios de elaboração de testes de recuperabilidade de ativos.

O processo foi instaurado pela Superintendência de Relações com Empresas (SEP) para apurar a responsabilidade dos executivos, além de Andreas Yamagata e Renato de Vicq Telles da Silva Lobo, ambos absolvidos. Hermolin e Braz Junior ainda podem recorrer ao Conselho de Recursos do Sistema Financeiro Nacional.

Para a acusação, as baixas registradas nas demonstrações financeiras da Brasil Brokers por perda de valor recuperável, no que tange ao ágio por rentabilidade futura (goodwill) contabilizado para o investimento na Abyara, não refletiram a real perda de valor do investimento ao longo do tempo.

O presidente da CVM e relator do caso, Marcelo Barbosa, entendeu que foi comprovado o descumprimento do item 33 do CPC, em decorrência da aplicação da taxa de perpetuidade em razão superior ao crescimento médio projetado dos últimos anos.

 

Dentre outros pontos, ela não se justificaria, já que não houve alteração da meta de inflação naquele ano e, tampouco, nos limites de tolerância para a meta, que permaneceram semelhantes aos vigentes em 2017.

“Os acusados infringiram o disposto no item 33 do CPC 01, ao não justificar, de maneira plausível, o aumento da taxa de crescimento na perpetuidade para 4,5%, configurando falha de procedimento nos testes de impairment realizados no exercício de 2018”, disse no voto.

Barbosa destacou ainda que a opinião de auditores independentes não é suficiente para afastar irregularidades praticadas por administradores.

 

- Advertisement -

More articles

Latest article

Frederico Sanches Resende da GES Logística participa de projeto de abastecimento energético em Rio Verde (GO)

Dados do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) apontam que o fornecimento de energia elétrica é um problema comum em todo o Brasil,...

GES Logística tem destaque na construção de parque solar diz Frederico Sanchez Resende

Nestes tempos em que a sociedade tem repensado valores, buscando mais qualidade de vida, temas como desenvolvimento sustentável e o baixo impacto ambiental têm...

PE News 4 anos: O sucesso por trás de um dos maiores sites de Pernambuco

O Portal PE News completou quatro anos no ar, no último dia 20 de março e após todo esse tempo levando informação para os...

Frederico Sanches Resende: energia fotovoltaica é importante solução para desafios energéticos

Nestes tempos em que a sociedade tem repensado valores, buscando mais qualidade de vida, temas como desenvolvimento sustentável e o baixo impacto ambiental têm...

Quadrilha movimentou R$ 4,8 bilhões com combustível adulterado e tóxico

Quadrilha movimentou R$ 4,8 bilhões em fraudes de combustíveis A polícia comandou uma operação contra quadrilha que movimentou quase R$ 4,8 bilhões nos últimos três...