27.3 C
Canoas
sexta-feira, fevereiro 26, 2021

Anvisa aprova o primeiro spray inalável contra a depressão

Must read

16 capitais têm multa para a falta de máscara; são mais de 8 mil punições aplicadas em todo o país

Uso de máscara em locais públicos é obrigatório no Brasil. Objetivo é diminuir a transmissão da Covid-19, que ocorre principalmente pelo ar. Especialista diz...

Gilberto, do BBB21, é aprovado em segundo PhD nos Estados Unidos

Doutorando em Economia, o pernambucano Gilberto Nogueira vai ter mais uma surpresa quando deixar o BBB21. O brother conquistou mais uma bolsa para PhD, na University of California, Davis. A informação...

Contar o tempo ou calorias gastas?

Foram elencadas pessoas que se alimentavam em média por 15 h por dia. Eles foram divididos em 2 grupos: um grupo que passou a...

Como reduzir gordura abdominal?

Uma pesquisa realizada pela escola de saúde pública da Universidade de Harvard resolveu estudar esses dois tipos de exercício com foco na composição corporal,...

De acordo com a Organização Mundial da Saúde, o Brasil é o quinto país do mundo em número de pessoas com depressão. Cerca de 5,8% da população sofre da doença, o equivalente a 10 milhões de brasileiros. A estudante de Economia Maria Eduarda faz parte desta estatística. Ela conta que os sintomas começaram na infância, mas o quadro só se agravou no ano passado. Foi então que ela decidiu procurar ajuda. De acordo com um estudo feito nos EUA, apenas 1 a cada 3 indivíduos ficam sem sintomas na primeira tentativa de tratamento com antidepressivo. E 67% dos pacientes vão precisar de quatro tentativas para ficarem sem indícios da doença.

Mas uma nova invenção da medicina pretende mudar essa realidade. Aprovado pela Anvisa, o remédio é um spray nasal composto por cloridrato de escetamina. O medicamento é indicado para adultos com depressão resistente, ou seja, quando há falha em pelo menos dois tratamentos anteriores. Ele também é recomendado para pessoas que apresentam comportamento suicida de forma aguda. Segundo a psiquiatra Fabiana Nery, a terapia é um avanço em relação aos tratamentos convencionais e a rapidez da melhorara do quadro pode salvar vidas. Para assegurar o uso correto do medicamento, a escetamina intranasal será administrada em hospitais e clínicas autorizadas e apenas com orientação médica.

*Com informações da repórter Caterina Achutti

- Advertisement -

More articles

Latest article

16 capitais têm multa para a falta de máscara; são mais de 8 mil punições aplicadas em todo o país

Uso de máscara em locais públicos é obrigatório no Brasil. Objetivo é diminuir a transmissão da Covid-19, que ocorre principalmente pelo ar. Especialista diz...

Gilberto, do BBB21, é aprovado em segundo PhD nos Estados Unidos

Doutorando em Economia, o pernambucano Gilberto Nogueira vai ter mais uma surpresa quando deixar o BBB21. O brother conquistou mais uma bolsa para PhD, na University of California, Davis. A informação...

Contar o tempo ou calorias gastas?

Foram elencadas pessoas que se alimentavam em média por 15 h por dia. Eles foram divididos em 2 grupos: um grupo que passou a...

Como reduzir gordura abdominal?

Uma pesquisa realizada pela escola de saúde pública da Universidade de Harvard resolveu estudar esses dois tipos de exercício com foco na composição corporal,...

Você sabe seu somatotipo?

Você já ouviu falar em somatotipo? O somatotipo é uma técnica de classificação corporal que dividiu a propôs a divisão em três quesitos: 1.magreza2.musculatura3.adiposidade Esse padrão...