17 C
Canoas
sábado, maio 28, 2022

Renova Energia focará sua atuação na geração eólica e possui 5 GW em projetos

Must read

Homem mais rico da Ucrânia diz que vai processar Rússia por US$ 20 bi

O bilionário ucraniano Rinat Akhmetov, que tem uma fortuna avaliada em US$ 4,5 bilhões, segundo a Forbes, quer processar a Rússia por danos causados...

Pai que abusou sexualmente dos filhos é preso em operação policial

Um homem, 59 anos, foi preso na manhã desta terça-feira (24/5), durante a Operação Crueldade, no Jardim Novo Mundo, em Goiânia. Segundo...

Pablo Marçal declara guerra a Silas Malafaia: “Você é um bandido”

O pré-candidato à Presidência da República, Pablo Marçal, declarou guerra ao pastor Silas Malafaia. O que provocou essa decisão foram as críticas que o...

Governo estima caixa dos Estados em R$ 172 bi e pressiona por redução do ICMS do diesel

Os Estados acumularam 172 bilhões de reais em caixa diante de dados exuberantes de arrecadação e aumento nas transferências do governo federal, segundo números...

São Paulo, setembro de 2021 – A fonte eólica possui 19,1 GW de capacidade instalada no Brasil e todo este volume abastece quase 29 milhões de residências por mês ou cerca de 86,4 milhões de pessoas. A geração eólica representa mais de 10% de toda energia injetada no Sistema Interligado Nacional (SIN) e as perspectivas para a indústria são otimistas.

“A previsão é que até 2024 o Brasil atinga capacidade instalada de 30,2 gigawatts por meio da geração eólica”, explica Renato Amaral, sócio da RFA Holding e fundador da Renova Energia. A empresa está ligada nesse crescimento e após a venda de ativos hídricos, anunciada recentemente, focará sua atuação nas fontes renováveis com destaque para a geração eólica. 

A estratégia da empresa é impulsionada pelo cenário atual da escassez hídrica que criou novas e excelentes oportunidades para ativos de geração renovável. Segundo Marcelo Milliet, CEO da Renova, em entrevista ao Canal Energia, a companhia focará sua atuação na geração de energia renovável, principalmente das fontes eólica e solar. “Temos mapeados projetos em termos de energia solar e um deles inclusive em Caetité, região que além de vento é rica em recursos solares. Além disso há sinergias. Alto Sertão III terá 430 MW mas a subestação que temos tem capacidade de escoamento de 1 GW, podemos agregar outros projetos na mesma subestação e ainda teremos nosso centro de operações”, disse o executivo ao veículo de comunicação. “Estamos olhando no entorno do NE onde há potencialidade de investimentos em solar, mas esse de Caetité deve ser o primeiro”, complementou.

A Renova prevê que, após a conclusão das vendas dos empreendimentos hídricos, terá em caixa entre R$ 230 milhões a R$ 250 milhões, montante que será destinado a acelerar o desenvolvimento de projetos eólicos e solares e para finalizar o complexo eólico Alto Sertão III, localizado no Sudoeste da Bahia, que atualmente encontra-se com quase 90% das obras concluídas.

- Advertisement -

More articles

Latest article

Homem mais rico da Ucrânia diz que vai processar Rússia por US$ 20 bi

O bilionário ucraniano Rinat Akhmetov, que tem uma fortuna avaliada em US$ 4,5 bilhões, segundo a Forbes, quer processar a Rússia por danos causados...

Pai que abusou sexualmente dos filhos é preso em operação policial

Um homem, 59 anos, foi preso na manhã desta terça-feira (24/5), durante a Operação Crueldade, no Jardim Novo Mundo, em Goiânia. Segundo...

Pablo Marçal declara guerra a Silas Malafaia: “Você é um bandido”

O pré-candidato à Presidência da República, Pablo Marçal, declarou guerra ao pastor Silas Malafaia. O que provocou essa decisão foram as críticas que o...

Governo estima caixa dos Estados em R$ 172 bi e pressiona por redução do ICMS do diesel

Os Estados acumularam 172 bilhões de reais em caixa diante de dados exuberantes de arrecadação e aumento nas transferências do governo federal, segundo números...

Globo fecha patrocínio inédito e fatura primeiro bilhão com Copa do Mundo

A Globo fechou nesta semana o seu quinto patrocinador para as transmissões da Copa do Mundo do Catar, que acontece em novembro. A Samsung...