11.8 C
Canoas
sexta-feira, maio 20, 2022

Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello recebe alta de hospital e aguarda resultado de exame da Covid-19

Must read

Gkay estipula gasto de R$ 8 mi na Farofa: “Rock in Rio fora de época”

A influencer Gessica Kayane, mais conhecida como Gkay, revelou que deve gastar cerca de três vezes mais na edição da Farofa deste ano....

Câmara aprova MP que regulamenta ensino domiciliar

A Câmara aprovou na noite de na quarta-feira (18) o texto-base do projeto de lei (PL) 3.179 de 2012, que regulamenta a prática da...

Pastor acusado de aplicar golpe de 10 milhões está foragido

Um pastor é acusado de aplicar um golpe imobiliário no estado de Santa Catarina. De acordo com as investigações, o prejuízo pode...

Reinfecção de Covid se tornou mais comum com Ômicron, afirma estudo

Um estudo feito na Universidade Stellenbosch, na África do Sul, traz evidências de que a variante Ômicron do coronavírus é capaz de provocar reinfecções...

O ministro da saúde Eduardo Pazuello teve alta do Hospital das Forças Armadas (HFA), em Brasília, no final da tarde desta terça-feira, 3, após quatro dias internado com sintomas de desidratação e para acompanhamento da Covid-19. Pazuello tinha dado entrada na última sexta em um hospital particular e recebeu alta no domingo, mesmo dia em que deu entrada no HFA. De acordo com a assessoria da pasta, o ministro já está em casa e segue em acompanhamento médico. Outro exame para detectar o coronavírus foi realizado, mas o resultado ainda não saiu.

Pazuello foi diagnosticado com a Covid-19 no dia 21 de outubro. Antes do diagnóstico, o ministro costumava comparecer a eventos públicos sem máscara. No último dia 22, o presidente Jair Bolsonaro fez uma visita a Pazuello no hotel militar onde ele permanece isolado – a visita aconteceu após Bolsonaro tê-lo desautorizado publicamente, cancelando o acordo para compra de 46 milhões de doses da vacina Coronavac, desenvolvida na China. Na ocasião, os dois gravaram um vídeo, sem máscara. No vídeo, Pazuello disse que tomou o “kit completo” contra coronavírus, incluindo a hidroxicloroquina, medicamento defendido por Bolsonaro, mas que não tem comprovação científica de eficácia contra a doença. O ministro chegou a dizer que estava “zero bala”, e Bolsonaro afirmou que Pazuello era “mais um caso concreto” de que o uso da hidroxicloroquina “deu certo”.

- Advertisement -

More articles

Latest article

Gkay estipula gasto de R$ 8 mi na Farofa: “Rock in Rio fora de época”

A influencer Gessica Kayane, mais conhecida como Gkay, revelou que deve gastar cerca de três vezes mais na edição da Farofa deste ano....

Câmara aprova MP que regulamenta ensino domiciliar

A Câmara aprovou na noite de na quarta-feira (18) o texto-base do projeto de lei (PL) 3.179 de 2012, que regulamenta a prática da...

Pastor acusado de aplicar golpe de 10 milhões está foragido

Um pastor é acusado de aplicar um golpe imobiliário no estado de Santa Catarina. De acordo com as investigações, o prejuízo pode...

Reinfecção de Covid se tornou mais comum com Ômicron, afirma estudo

Um estudo feito na Universidade Stellenbosch, na África do Sul, traz evidências de que a variante Ômicron do coronavírus é capaz de provocar reinfecções...

 Pastor Rafael Bello está na UTI

A pastora Natália Bello, esposa do pastor Rafael Bello, usou suas redes sociais na noite desta terça-feira (17/05), para informar que ele...