21.6 C
Canoas
quarta-feira, novembro 30, 2022

Brasiliense Vivi Araújo volta a lutar no UFC neste sábado

Must read

Elirio Dambros fala sobre prós e contras do uso de fraldas descartáveis

Que as fraldas descartáveis vieram para facilitar a vida dos pais, disso ninguém tem dúvida. No entanto, ainda se investiga os impactos causados pelo seu uso na saúde...

Olhar empático: executivo do mercado cripto investe pesado em incentivo ao esporte no país

Clélio Cabral é gerente da gestora de criptoativos Braiscompany e segue os passos do CEO da empresa, Antonio Neto Ais que também é destaque...

Reclusa após abandonar a TV, Ana Paula Arósio ressurge com novo visual

Atriz decidiu deixar a carreira há cerca de 12 anos, quando desistiu de protagonizar uma novela da TV Globo em horário nobre Longe dos holofotes...

Gleisi defende PEC da Transição para 4 anos: “Não pode ser no soluço”

O PT quer que a PEC da Transição estipule o prazo de quatro anos para o Bolsa Família ficar fora da regra do teto...

Há um ano, a brasiliense Vivi Araújo deixava o octógono do UFC com uma derrota para Katlyn Chookagian, na luta mais dura que fez na organização até então, enfrentando uma integrante do Top-5 dos moscas.


Vivi acabou perdendo por decisão unânime. Agora, na oitava posição da categoria, retorna ao cage para um confronto contra Andrea Lee, na nona colocação do ranking. E a intenção é não deixar a definição do combate nas mãos dos juízes e retornar ao caminho das vitórias no evento. Vivi Araújo e Andrea Lee se enfrentam neste sábado (14/5) no UFC Blachowicz x Rakic, na última luta do card preliminar.

A lutadora da Cerrado MMA retorna a lutar depois de ter um combate cancelado em janeiro deste ano. Vivi enfrentaria a mexicana Alexa Grasso, mas uma lesão acabou impossibilitando a volta ao octógono. Agora, totalmente recuperada, a brasiliense quer alcançar o quinto triunfo no UFC e figurar entre as cinco melhores da categoria.

Mas a missão não será das mais fáceis. A adversária de Vivi vem de duas vitórias consecutivas no evento e também quer subir posições no peso-mosca feminino. Lee tem oito combates na organização, com cinco triunfos e três derrotas. Vivi vai para sua sétima luta e tem quatro vitórias e duas derrotas.

Ex-campeão em ação

O evento deste sábado terá o embate entre Jan Blachowicz e o austríaco Aleksandar Rakic, nos meio-pesados, como luta principal. O ex-campeão Blachowicz enfrenta o terceiro da categoria após perder o cinturão para o brasileiro Glover Teixeira em outubro do ano passado. Uma vitória pode colocar o polonês no caminho da revanche contra Glover.

Outro destaque do evento é a luta entre Katlyn Chookagian, algoz da última luta de Vivi, contra a brasileira Amanda Ribas, que estreia no peso-mosca.

O UFC Blachowicz x Rakic tem início previsto para 20h20 (horário de Brasília).

- Advertisement -

More articles

Latest article

Elirio Dambros fala sobre prós e contras do uso de fraldas descartáveis

Que as fraldas descartáveis vieram para facilitar a vida dos pais, disso ninguém tem dúvida. No entanto, ainda se investiga os impactos causados pelo seu uso na saúde...

Olhar empático: executivo do mercado cripto investe pesado em incentivo ao esporte no país

Clélio Cabral é gerente da gestora de criptoativos Braiscompany e segue os passos do CEO da empresa, Antonio Neto Ais que também é destaque...

Reclusa após abandonar a TV, Ana Paula Arósio ressurge com novo visual

Atriz decidiu deixar a carreira há cerca de 12 anos, quando desistiu de protagonizar uma novela da TV Globo em horário nobre Longe dos holofotes...

Gleisi defende PEC da Transição para 4 anos: “Não pode ser no soluço”

O PT quer que a PEC da Transição estipule o prazo de quatro anos para o Bolsa Família ficar fora da regra do teto...

Pastor é preso após mentir que sócio era estuprador e encomendar a morte dele

Um pastor e policial militar aposentado, identificado como Josselice, líder de uma igreja de Goiânia (GO), foi preso nesta segunda-feira (21/11), suspeito de encomendar a morte...