11.9 C
Canoas
domingo, maio 9, 2021

Força do 'trumpismo' nas eleições dos EUA fortalece direita no Brasil, dizem assessores de Bolsonaro

Must read

Frederico Sanchez Resende: Pandemia trouxe grandes desafios para empresas de logística

Não somente a vida das pessoas está sendo impactada pela pandemia do novo Coronavírus. Os setores da economia, incluindo o segmento de logística e...

Hiperleds: a maior fábrica de luminárias com mais de 800 itens no catálogo Completo

Há dez anos no mercado e com mais de oitocentos itens no catálogo, a Hiperleds é uma empresa que estar presente com atendimento para...

Polícia Militar realiza a operação “Grande ABC mais Seguro” na área do CPA-M6

Foi realizada em 27 de abril de 2021 uma grande Operação Policial na cidade de Santo André, área do 10ª Batalhão Metropolitano, com o...

Victor Capixaba é o novo reforço do São Caetano

O Centroavante Victor Capixaba de 28 anos, ex jogador do VilaVelhense é o novo reforço do São Caetano-SP. A equipe paulista que recentemente contratou o...

Seja quem for o vencedor das eleições nos Estados Unidos, o governo Bolsonaro comemorou a demonstração de força do ‘trumpismo’ na disputa, o que, na avaliação de assessores presidenciais, fortalece a linha conservadora e de direita do presidente brasileiro.

Bolsonaro comemorou, primeiro, o fato de o democrata Joe Biden não confirmar o amplo favoritismo que vinha sendo apontado pelas pesquisas. O republicano Donald Trump, mesmo num cenário adverso por causa do combate ao coronavírus, mostrou força para vencer a eleição, que até a publicação deste texto ainda estava indefinida.

“Todos achavam que a eleição nos Estados Unidos poderia representar a reversão da onda conservadora no mundo, mas isso não aconteceu. Trump está forte e, mesmo perdendo, o trumpismo seguirá vivo por lá”, disse ao blog um auxiliar presidencial.

Noite da eleição nos EUA termina indefinida com Biden otimista e Trump declarando vitória

Noite da eleição nos EUA termina indefinida com Biden otimista e Trump declarando vitória

Diante da indefinição, a orientação dentro do governo é manter a cautela e evitar declarações na linha de reconhecer qualquer candidato, Trump ou Biden, como vencedor. E também não entrar na polêmica da Judicialização já anunciada oficialmente pelo presidente dos Estados Unidos.

Mesmo porque, depois de uma madrugada com os resultados indicando a possibilidade de vitória do republicano, os dados da manhã desta quarta-feira (4) sinalizariam uma chance de o democrata sair mesmo vitorioso.

Se Biden vencer, a equipe presidencial avalia que possa até ocorrer uma certa turbulência no início de mandato do democrata, mas que logo depois o pragmatismo irá prevalecer nos dois lados.

- Advertisement -

More articles

Latest article

Frederico Sanchez Resende: Pandemia trouxe grandes desafios para empresas de logística

Não somente a vida das pessoas está sendo impactada pela pandemia do novo Coronavírus. Os setores da economia, incluindo o segmento de logística e...

Hiperleds: a maior fábrica de luminárias com mais de 800 itens no catálogo Completo

Há dez anos no mercado e com mais de oitocentos itens no catálogo, a Hiperleds é uma empresa que estar presente com atendimento para...

Polícia Militar realiza a operação “Grande ABC mais Seguro” na área do CPA-M6

Foi realizada em 27 de abril de 2021 uma grande Operação Policial na cidade de Santo André, área do 10ª Batalhão Metropolitano, com o...

Victor Capixaba é o novo reforço do São Caetano

O Centroavante Victor Capixaba de 28 anos, ex jogador do VilaVelhense é o novo reforço do São Caetano-SP. A equipe paulista que recentemente contratou o...

Danilo Cavalcante é a aposta do Betis San Isidro da Espanha

O CD Betis San Isidro contratou o brasileiro Danilo Cavalcante de 23 anos, jovem aposta que se profissionalizou aos 18 anos no América-PE, teve...