27.8 C
Canoas
domingo, março 7, 2021

Eleições 2020: candidatos à Prefeitura de Porto Alegre fazem campanha nesta segunda-feira

Must read

Adultos infectados com a variante identificada em Manaus têm 10 vezes mais vírus no corpo, aponta Fiocruz

Pessoas usando roupas e equipamentos de proteção contra o coronavírus Sars-CoV-2 andam em meio a túmulos de vítimas da Covid-19 no cemitério Nossa Senhora...

Grupo Cash ajuda na regularização do CNPJ; saiba como

O Grupo Cash é referência no setor de créditos no Brasil e tem todos os métodos para aumento do Score para quem está negativo...

16 capitais têm multa para a falta de máscara; são mais de 8 mil punições aplicadas em todo o país

Uso de máscara em locais públicos é obrigatório no Brasil. Objetivo é diminuir a transmissão da Covid-19, que ocorre principalmente pelo ar. Especialista diz...

Gilberto, do BBB21, é aprovado em segundo PhD nos Estados Unidos

Doutorando em Economia, o pernambucano Gilberto Nogueira vai ter mais uma surpresa quando deixar o BBB21. O brother conquistou mais uma bolsa para PhD, na University of California, Davis. A informação...


José Fortunati (PTB) conversou com moradores e lideranças do bairro Bom Jesus, Sebastião Melo (MDB) visitou a Zona Norte e Valter Nagelstein (PSD) se reuniu com dirigentes do Hospital Beneficência Portuguesa. Os candidatos à Prefeitura de Porto Alegre cumpriram compromissos de campanha nesta segunda-feira (2), de acordo com agenda eleitoral na cidade. A RBS TV acompanha três candidatos por dia.
Veja em ordem alfabética, do nome na urna, como foi o dia dos candidatos: José Fortunati (PTB), Sebastião Melo (MDB) e Valter Nagelstein (PSD).
Confira as agendas dos candidatos à Prefeitura de Porto Alegre
Fortunati (PTB)
José Fortunati (PTB)
Reprodução/RBS TV
O ex-prefeito da Capital, José Fortunati (PTB), visitou o bairro Bom Jesus, na Zona Leste de Porto Alegre. Em caminhada, o candidato conversou com moradores e se reuniu com lideranças do bairro. Para a equipe da RBS TV, Fortunati falou sobre as propostas para a área da saúde que pretende implementar, caso seja eleito.
“É fundamental que a gente continue ampliando o número de leitos em Porto Alegre. Nós inauguramos o Hospital da Restinga, o Hospital Independência, ampliamos o Hospital Vila Nova pra 100% SUS, além de dobrarmos o número de programa de saúde da família nas comunidades. Isso terá que continuar porque muitas doenças foram represadas e precisamos dar esse atendimento no próximo ano. Segundo, a questão da vacina, nós propusemos a criação de fundo especial, o fundo Covid, porque é fundamental que todos, que toda a população esteja vacinada no próximo ano”, explica Fortunati.
Sebastião Melo (MDB)
Sebastião Melo (MDB)
Reprodução/RBS TV
O candidato Sebastião Melo (MDB) esteve na Zona Norte de Porto Alegre onde gravou programas eleitorais e conversou com moradores da região. Quando questionado sobre as propostas para a saúde pública da Capital, Melo falou sobre a importância de fortalecer os atendimentos gratuitos, entre outras questões.
“A saúde pública é um desafio do Brasil, do Rio Grande e da nossa cidade. Primeiro, é não faltar médicos nos postos, não faltar remédio da assistência básica. Preparar a cidade pra vacina, não é, no sentido mais amplo da nossa rede conveniada pública. Fazer os mutirões de cirurgias que estão atrasadas, de exames que estão atrasados, também de consultas que estão atrasadas. Só na saúde mental tem um acúmulo enorme. Aumentar os postos de atendimento até mais tarde, também, integrar a rede do ponto de vista do prontuário eletrônico”, pontua Melo.
Valter Nagelstein (PSD)
Valter Nagelstein (PSD)
Reprodução/RBS TV
O candidato do PSD, Valter Nagelstein, se encontrou com a direção do Hospital Beneficência Portuguesa, no Centro de Porto Alegre. O local, que possui 100 leitos, atende apenas de forma privada, e entre as propostas de Valter, está a retomada da contratação dos atendimentos na instituição pelo Sistema Único de Saúde.
“Primeira questão é aumentar a estrutura hospitalar e ter um planejamento na eventualidade de uma segunda onda do Covid aqui. Eu sempre defendi que a economia não parasse e continuo defendendo, mas pra que a economia não pare, a gente precisa responder o dilema ético de preservar vida e isso significa ter hospital disponível pra quem adoecer e precisar de atendimento hospitalar. A segunda questão, Porto Alegre tá vivendo a desestruturação do Imesf. Nós temos que encontrar um modelo que vai substituir o Imesf e caminhar em outras políticas de saúde publica, entre as quais no nosso programa de governo, inclusive uma de planejamento familiar”, afirma Valter.
Veja outros vídeos sobre as Eleições 2020
Initial plugin text

- Advertisement -

More articles

Latest article

Adultos infectados com a variante identificada em Manaus têm 10 vezes mais vírus no corpo, aponta Fiocruz

Pessoas usando roupas e equipamentos de proteção contra o coronavírus Sars-CoV-2 andam em meio a túmulos de vítimas da Covid-19 no cemitério Nossa Senhora...

Grupo Cash ajuda na regularização do CNPJ; saiba como

O Grupo Cash é referência no setor de créditos no Brasil e tem todos os métodos para aumento do Score para quem está negativo...

16 capitais têm multa para a falta de máscara; são mais de 8 mil punições aplicadas em todo o país

Uso de máscara em locais públicos é obrigatório no Brasil. Objetivo é diminuir a transmissão da Covid-19, que ocorre principalmente pelo ar. Especialista diz...

Gilberto, do BBB21, é aprovado em segundo PhD nos Estados Unidos

Doutorando em Economia, o pernambucano Gilberto Nogueira vai ter mais uma surpresa quando deixar o BBB21. O brother conquistou mais uma bolsa para PhD, na University of California, Davis. A informação...

Contar o tempo ou calorias gastas?

Foram elencadas pessoas que se alimentavam em média por 15 h por dia. Eles foram divididos em 2 grupos: um grupo que passou a...